Arquivos do Blog

A Sephora e o Brasil

Padrão

Passei um tempo pensando sobre publicar ou não esse post – aqui, vai ser só minha opinião, vocês podem concordar ou não, o que é barato pra mim pode ser caro pra vocês, e vice e versa. Decidi postar assim que me deparei com uma atualização no Facebook da Sephora Brasil: o pré lançamento da linda paleta Blockbuster da Sephora Collection que já mostrei aqui.

Corri no site pra ver a novidade, e aí me indignei de uma maneira que fez esse post surgir!!

Por que nós temos que pagar tanto pelo mesmo produto que uma americana ou uma europeia pagam? Gente, é ridículo!!

Pra quem não sabe, passei minhas férias na Europa. Já fui empolgadíssima sabendo que teria Sephora’s ao meu alcance, mesmo sabendo que a felicidade seria bem maior se eu fosse para os Estados Unidos – Uma mesma paleta que nos EUA custa 49 dólares (mais ou menos 90 reais), na Europa custa 39 Euros (Uns 10 reais a mais, em torno de 100 reais). Justamente essa paleta chegou agora no Brasil, apenas pelo dobro do preço, R$195,00!!

Comprei blushes por 5 euros, sombras por 3 euros, cremes por 2 euros.. Tudo da Sephora Collection. Tinha um creme esfoliante lá que estava 15 euros (R$37,00) e eu achei super caro, nem comprei!! E agora esse mesmo creme está sendo vendido por 99 reais na Sephora Brasil. Lembro também de ter achado carííííssimas umas paletas pequenas, com cores específicas pra makes tipo “paleta smokey eyes”, ou “paleta olhos pretos” e por aí vai, que estavam 30 euros (R$75,00). Na Sephora Brasil, 136 reais.

E olha que a Sephora nem tem as maiores diferenças de preço do mundo! Quem nunca pagou 80 reais num batom da MAC, quando poderia ter pago 15 dólares??

Eu acho um absurdo, sabe… É revoltante a quantidade de impostos taxados sobre os produtos importados, é ridículo pensar que compensa mais você pagar uma viagem de avião e ir fazer suas compras lá fora do que ir ali no shopping do lado de casa… Por isso que nunca me empolguei quando começaram a falar sobre a chegada da Sephora no Brasil!!

Enfim, foi só um desabafo engasgado!

Beijos,

Carol

Anúncios

Esmalte da Semana

Padrão

Hello, meninas!

Essa semana minhas unhas são um exemplo de preguiça praticidade: francesinha transversal (inglesinha espanhola) por cima de base!! Me inspirei nas européias, que costumam fazer muita nail art em cima das unhas sem cor! Não é um primor de unha, mas também não é das piores! De qualquer forma, é super rápida e divertida praqueles dias em que a gente tá correndo: uma camada de base, uma corzinha na diagonal e uma camada de top coat pra dar o brilho final! Pronto!

E o mural dessa semana trouxe unhas lindas! Dois comentários: o esmalte da Angela, apesar de parecer roxo na foto, é marrom!! E a Graziela disse que o azul, apesar de ser lindo de morreeeeer, tem a cobertura muito ruim – 3 camadas e mesmo assim fica transparente no sol!

Adorei, meninas! Continuem mandando as fotos semanalmente!!

Beijos e boa semana a todas!

Carol

Hidratante Labial Carmex

Padrão

Ainda na onda dos hidratantes labiais (gente, vocês não têm noção do tanto que um frio de rachar resseca a pele!! A expressão “frio de rachar” deve ter vindo disso aí mesmo, rachar a pele e os lábios!!!!). Já tinha lido várias vezes por aí sobre o hidratante labial Carmex, mas sempre sem dar muita atenção. Até que num dos meus passeios por alguma farmácia da Alemanha (suspiros de saudades…) bati o olho num tubinho amarelinho de tampinha vermelha e não hesitei em comprar (ainda mais com o preço de menos de 2 euros!!).

A Carmex é uma marca americana criada nos anos 30 e especializada em lip balms (hidratantes labiais). Seus produtos, disponíveis em diversas embalagens, contém menthol, lanolina, manteiga de cacau, manteiga de Karité e vitamina E, entre outras substâncias hidratantes. O menthol, inclusive, dá um ar super geladinho aos lábios, como aqueles batons que têm a função (ou intenção!) de aumentar os lábios.

Nos lábios, o produto é quase invisível – apenas um leve brilho. O poder de hidratação dele é realmente muito bom, e ele não sai rápido dos lábios.

Hoje em dia existe uma grande variedade de produtos Carmex – com cor, cheiro de frutas, em bastão, etc (o site da marca é esse aqui), mas o original é esse aí mesmo.

Sinceramente, não vou dizer pra vocês que “ah, esse é o melhor hidratante do mundo”, ele é sim um hidratante muito bom, e de uma marca especializada em produzir esse tipo de produto. Então, meu recado é: Carmex não é só nome, é um excelente hidratante labial. Se tiver oportunidade, não deixe de comprar (no exterior, onde é bem baratinho). Mas fique tranquila, seus lábios não vão morrer de tristeza se você usar um hidratante da Nivea.

Beijos,

Carol

Esmalte da Semana

Padrão

ALERTA! Antes de ver a foto das minhas unhas essa semana, devo avisá-las que a imagem é forte. Durante esse mês de férias, minhas unhas foram atacadas por seres alienígenas comedores de unhas quebraram e não estão lá essas coisas… Triste, mas já já elas voltam a ser o que eram!

Estou usando um esmalte novo, um verdinho claro da marca Italiana KIKO. Ele não tem nome, mas na parte de trás tem um número que acredito ser a identificação de cor: 345.

Kiko 345

Esse esmalte é de uma linha de tratamento, e promete uma fórmula pró crescimento e endurecimento das unhas, além de secagem extra rápida. De fato, ele seca bem rápido, mas sobre o tratamento ainda não posso opinar.

O verdinho leitoso é bem basiquinho, mas unhas tão feinhas não me inspiram a usar um esmalte mais elaborado!

Já no mural dessa semana, cores lindas!! Adorei!

* A Angela não lembrou o nome do esmalte dela, mas assim que ela descobrir eu atualizo aqui! O esmalte da Angela é o Mauve Urban da Colorama!!

Pra quem quiser participar do nosso mural todas as segundas, é só mandar sua foto com seu nome, nome do esmalte e cidade onde mora para cafecomblush@gmail.com

Ótima semana!

Beijos,

Carol

Fim da base no make??

Padrão

Saiu na Vogue ontem uma matéria sobre o fim do uso de base na maquiagem! Fiquei tão chocada que vim compartilhar! Olhem só:

A base acabou: maquiadores decretam o fim do produto

20120127-085329.jpg

Pele perfeita e sem base no backstage da Ellus

Prepare-se para encostar sua base líquida e guardar seu pó no fundo da gaveta. Os backstages de beleza do inverno 2012 decretaram o fim da base. “Não é uma tendência, é um statement”, acredita Fabiana Gomes, maquiadora sênior da MAC. Para ela, a textura natural da pele deve ser ressaltada e não mais ser escondida sob camadas de produto. “A textura mate não tem nada a ver com o nosso clima”, emenda.

Celso Kamura é outro partidário do movimento, que já havia sido liderado por Robert Estevão nos desfiles do Fashion Rio. “A base vai deixar de existir. Hoje em dia a mulher cuida da pele, então não precisa esconder muito. A nova base é o dermatologista”, diz o beauty artist.

Com a extinção da base, entram em cena os hidratantes poderosos (na lista, o famoso Embryolisse e o Mineralize Charged Water Moisture Gel, lançamento da MAC) e os primers novidade (como o BB Cream). A função deles é justamente disfarçar algumas imperfeições e dar à pele um brilho natural. Sobre eles, só corretivo nas áreas necessárias. Outra dica para deixar a pele com a texutra natural do momento é adicionar uma gotinha de óleo essencial próprio para o rosto ou um pouco de água termal ao hidratante.

Gente, que “cês” acham disso?? Eu acho loucura! Primeiro porque nem todo mundo é modelo e tem pele de bebê. Segundo porque duvideodó que essa modelo da Ellus aí da foto está sem base. E terceiro porque né, base é base!! Pro dia a dia pode até ser, os BB Creams tão ai pra isso (calma que vai ter post sobre eles aqui!!!), mas pra uma festa, pra uma make elaborada?? No way!!

E aí, quem acha que essa moda vai pegar?

Beijos,

Carol

Cutículas – Atualizando

Padrão

Já faz quase 5 meses que parei de tirar as cutículas (e não acredito que só fazem 5 meses, achei que já faziam anos… hahahah!). Hoje vou atualizar vocês sobre minha rotinha e como elas estão, e quem sabe não convenço mais algumas a entrar nessa, né? Pra ver como a idéia começou, cliquei aqui!

Hidratação

A hidratação continua firme e forte, numa rotina diária de Cera Nutritiva da Granado, Mira Cuticle da Avon e Bepantol. Duas ou três vezes ao dia, eu hidrato com a cerinha ou com o mira cuticle – tenho preferido o da Avon, pois é bem mais rápido e prático para aplicar. Como ele é super baratinho (o preço padrão é R$4,99, mas esse mês ainda estava em promoção por R$3,99!!), tenho um na minha mesa no trabalho, um no criado mudo da cama, um na necessaire que levo na bolsa e um no kit de manicure. Desse jeito não tem desculpa pra não hidratar os dedinhos!

À noite, sempre uso o Bepantol. Primeiro passo uma camadinha do Mira pra dar aquela hidratada final e depois loto, meleco, besunto as unhas e cutículas com o Bepantol. Não vou negar, não é a coisa mais limpinha do mundo – suja o lençol, a fronha, o pijama e o que mais estiver por perto – mas o resultado compensa.

Cutículas melecadas de Bepantol

O segredo de deixar as cutículas é a hidratação. No começo, ela é mais importante ainda, pois as pelinhas aparecendo dão a maior vontade de arrancar! Quando a gente hidrata, as pelinhas somem, e a gente não se aborrece tanto com elas! Reparem nas fotos abaixo – sem hidratação tem uma ou outra pelinha levantada (apesar de que hoje elas já são bem raras!), e com hidratação elas ficam perfeitas!

Cutículas sem Hidratação

Cutículas com Hidratação

Alicate

Até a metade do processo, eu ainda pegava o alicate e dava umas cutucadinhas nas pelinhas rebeldes. Até que me toquei que enquanto eu não largasse de vez o alicate, as cutículas nunca iriam ficar boas de verdade. Aí eu resolvi sumir com o alicate, tirei ele da bolsinha do kit manicure e assim não caio em tentação. Sempre que vejo uma pelinha rebelde ataco com hidratação e em pouco tempo a pelinha está ótima!

Esmaltação

Continuo achando que a maior vantagem de parar de tirar as cutículas é na hora da esmaltação (além de ser melhor pra saúde, mas esse aspecto ficou em segundo plano nessa história, sorry!!). A praticidade e agilidade que ganhei ao fazer as unhas é incrível.

Nem sempre faço a esmaltação americana, depende muito do esmalte que vou usar e do meu humor. De qualquer forma, é fato que o ato de limpar o esmalte borrado com acetona e algodão desgasta e levanta as pelinhas, então o mais indicado é sim a esmaltação americana, deve acelerar muito o processo de regeneração completa das cutículas.

Antes de esmaltar, continuo hidratando. Creminho nas cutículas, empurradinha com a espátula, limpo o creme das unhas com um pincel embebido em acetona e parto para a pintura. Mais agilidade que isso, gente, só não fazendo as unhas!!

Resultados

Tem imagem que vale mais do que qualquer explicação.. Olhem só essa foto do antes, em 20 de Julho, e do depois, 10 de Dezembro:

Antes e Depois

Muita diferença, né? Nossa, como minhas cutículas eram picotadas, gente, que horror!!!

Na maior parte do tempo, eu nem me lembro que tenho cutículas e que não as retiro mais com o alicate. Ainda falta um bocado para elas estarem totalmente regeneradas e imperceptíveis, mas o resultado atual já é muito satisfatório. Passado o período do desespero – sim, rola um período onde você só quer pegar um alicate e tirar cada milímetro de cutícula!!! – estou muito feliz com a decisão e não pretendo voltar atrás nunca mais! Perfeitas mesmo, acho que só depois de um ano, mais ou menos. Mas com certeza quando esse dia chegar eu volto aqui e mostro pra vocês mais uma vez!

E aí, quem mais animou? Estão conseguindo se manter longe do alicate? Espero que sim!

Beijos,

Carol

Esmalte da Semana

Padrão

Essa semana fui de básico-ousado: uma francesinha diagonal color blocking!

Um minuto de moda – pra quem não conhece, color blocking é a tendência de misturar cores fortes e vibrantes num mesmo look. Pra não ter erro, usa-se o círculo de cores, optando principalmente por combinar cores opostas ou cores análogas (uma do lado da outra) no círculo. Optando pelas opostas, o look fica mais ousado. Se escolher cores análogas, o look é mais contido!

Eu resolvi ousar e usar as cores opostas azul (Azul Royal) e laranja (Garota Verão) da Colorama.

E no mural dessa semana tem até ficção científica! Continuem mandando, meninas, estou me divertindo!

Beijos!

Carol

The Body Needs – O que NÃO comprar

Padrão

Já falei da The Body Needs aqui várias vezes – um site americano, que entrega no Brasil, ótimo para comprar pequenas amostras de pigmentos originais da MAC por um pequeno valor.

Na minha última compra, além de pigmentos da MAC, comprei também alguns outros itens, e é sobre isso que vim falar. Na verdade, alertá-las.

Nunca tive problema algum com os pigmentos. Todos sempre vieram em quantidade padrão, bem embalados e soltinhos. Já com o fluidline, chromaline e paint pot não foi bem assim.

O Fluidline todo mundo já conhece – delineador em gel da MAC, disponível em diversas cores. O Chromaline é um irmão gêmeo do Fluid, mas só é vendido nas lojas PRO da MAC, e possui cores mais vibrantes. E o Pain Pot é uma sombra em creme, que pode ser usada tanto como sombra quanto como base para a sombra. Em comum, os três são pastosos, e aí é que entra o problema.

Na embalagem original, a Addy já mostrou aqui que o Fluid ressecou. Na TBN, a gente compra uma amostrinha do produto, então uma pequena quantidade é retirada da embalagem original e colocada na embalagem padrão da TBN. Seria uma boa idéia, já que ter uma amostra de cor nova é sempre bom pra testar e o produto dura uma eternidade e bla bla bla. Mas, esse tira e põe em potinhos e a looooonga viagem fazem os produtos ressecarem! E foi assim com os dois fluids, o chroma e o paint pot que comprei da última vez! Já chegaram aqui secos, sem a menor condição de uso…

Pode ser que usando a dica da Addy de adicionar algumas gotas de soro fisiológico o problema seja resolvido, mas eu não tenho soro aqui pra testar! Sorry!!

Mas, de qualquer forma, fica a dica: se quiserem compras certas e seguras, sem desperdício de dinheiro ou chances de aborrecimentos, mantenham-se nos pigmentos e deixem os outros produtos pra comprar em outro lugar…. Vale mais a pena!

Beijos,

Carol

Como fazer seu batom durar mais tempo na boca?

Padrão

Da Allure Magazine, 6 dicas simples para aumentar a durabilidade do seu batom nos lábios, dadas pelo maquiador criativo da Chanel, Peter Phillips.

1. Batom de Acabamento Acetinado

A maioria dos batons de longa duração tem acabamento matte, o que pode deixar os lábios ressecados. O ideal é usar os com acabamentos acetinados, porque nesses casos o brilho é originado pelos pigmentos perolados e não pela textura. Os batons de acabamento acetinado não são tão úmidos quanto os cremosos e, por isso, duram mais tempo nos lábios.

2. Cores Extremas

Optar por um batom muito claro ou muito escuro é melhor do que ficar no meio termo. Batons “extremos” tendem a durar mais que os de tons suaves porque têm mais pigmento.

3. Preparação dos Lábios

O batom fixa melhor em superfícies lisas, então lábios lisinhos mantém a cor por mais tempo. Esfoliações suaves periódicas, aplicação rotineira de hidratantes, filtro solar e lip balms ajudam no processo “lábios lisinhos”.

4. Contorno dos Lábios

Contornar os lábios com um lápis do mesmo tom do batom adiciona uma camada de pigmento e, por isso, ajuda o batom a durar mais.

5. Aplicação do Batom

A maneira como aplicamos o batom também faz diferença. Aplicar o batom direto da bala ao invés de usar um pincel pigmenta muito mais os lábios. Retirar o excesso com um lenço após a primeira camada e logo em seguida aplicar outra também ajuda.

6. Finalização com Pó

Muitas mulheres pensam que passar pó nos lábios pode ressecá-los, mas basta não passar muito produto para que isso não aconteça. Feche a boca, sorria e então aplique um pouquinho de pó facial nos lábios com um pincel fofinho. Não reaplique o batom, porque ele pode adquirir um aspecto craquelado.

Gostaram das dicas, meninas? Eu gostei, principalmente do lance de aplicar o batom direto da bala e também o de escolher cores extremas, nunca imaginei que um batom muito claro duraria mais que um clarinho…

Beijos,

Carol